Como ter informações privilegiadas na bolsa

Imagine quanto você poderia ganhar na bolsa de valores se existisse um meio de ter 100% de certeza sobre a alta ou a queda do preço de uma determinada ação. Infelizmente, existem grandes investidores que conseguem acessar informações privilegiadas. Uma simples informação pode se transformar em milhões de reais de lucros rápidos e fáceis.

É claro que a prática não é correta, mas devemos ter consciência que ela existe. É claro que todos os outros investidores são prejudicados quando temos um “Insider” operando. A prática é chamada de Insider Trading. Uma das atividades da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) é coibir o uso de informações privilegiadas, o que nem sempre é uma tarefa fácil. O uso indevido de informação privilegiada ou insider trading ocorre quando alguém utiliza informação relevante de que tenha ciência e que ainda não tenha sido levado ao conhecimento de todos dos investidores, com o fim de obter, para si ou para outrem, algum tipo de vantagem na negociação com valores mobiliários, como as ações negociadas na bolsa.

É tão evidente que existem grandes investidores que possuem as melhores informações ou uma maior previsibilidade dos fatos que muitos investidores pequenos monitoram as atividades dos grandes. Esse “monitoramento” gera informações adicionais que podem ajudar a tomar decisões especulativas (de curto prazo) na bolsa. No lugar de seguir a manada (investir como todos estão investindo), alguns investidores pequenos preferem seguir os grandes líderes da manada.

Vou mostrar neste artigo como os pequenos investidores tentam seguir o comportamento de grandes investidores. Veremos que nem sempre esses grandes investidores possuem informações privilegiadas, mas possuem dinheiro e tecnologia para contratar os melhores especialistas para analisar milhões de dados em tempo real.

Perceba que todos os dias circula uma enorme quantidade de informações privilegiadas e não privilegiadas no mercado que são utilizadas para a tomada de decisões de compra ou de venda das ações. Os grandes investidores monitoram o mercado 24 horas por dia. Enquanto você está trabalhando e fazendo suas atividades diárias, os grandes investidores estão olhando o mercado com suas equipes de profissionais altamente qualificados que acompanham os dados financeiros, econômicos e políticos do mercado que impactam as ações.

Um pequeno investidor não possui estrutura para monitorar as informações que chegam, privilegiadas ou não, sobre todas as ações em tempo real, mas pode monitorar as atividades de grandes investidores que possuem essa estrutura montada.

Como monitorar os grandes investidores

Existem meios de monitorar o que os grandes investidores estão fazendo em tempo real. Os maiores investidores da bolsa são os gestores de fundos de investimento. Eles compram e vendem ações em operações milionárias todos os dias e essas informações são públicas. Essa publicidade ocorre de duas formas.

A primeira é através da própria CVM. Através do site http://sistemas.cvm.gov.br/?fundosreg você pode saber onde os fundos de investimento investem os milhões de reais dos seus cotistas. O grande problema é que essa informação é muito atrasada. Somente no começo do mês os fundos são obrigados a divulgar suas carteiras no site da CVM. Isso significa que quando essa informação aparece no site, ela já é velha. Essa diferença entre a data da montagem da posição e a data da publicação da carteira é tão grande que se torna inútil para os demais investidores.

Mas existe outra forma de detectar o que grandes participantes fazem no mercado em tempo real.

Primeiro é importante destacar que os fundos de investimento brasileiros e as instituições estrangeiras que compram e vendem ações no Brasil representam 80% do volume negociado no nosso mercado de ações. Os demais investidores, incluindo você, representam apenas 20% (ou menos) de tudo que é negociado.

Observe a tabela abaixo. O percentual de pessoas físicas é pequeno. As decisões de compra e venda de ações dos investidores institucionais e estrangeiros é o que realmente impactam o mercado. Enquanto você compra centenas ou milhares de ações em cada operação, esses grandes players compram milhões de ações durante todo o dia (fonte). Podemos concluir que no final das contas o mercado sobe ou cai, determinado dia, por conta da atuação expressiva de poucos participantes.

Vamos ver esse exemplo:

Veja o exemplo acima (fonte do gráfico). O gráfico mostra o preço da ação de uma determinada empresa. As linhas mostram o preço que foi negociado em operações de compra ou de venda dessa mesma ação que partiram de determinadas corretoras e instituições financeiras nacionais e internacionais.

A imagem acima mostra que o preço de uma empresa brasileira do setor de energia, caiu devido à venda expressiva de um participante que atuou através da corretora dessa grande instituição. Olhando o gráfico temos a impressão de que as operações de venda das ações ocorriam em intervalos fixos de tempo fazendo a linha amarela ter uma queda constante durante o dia. É como se esse grande investidor estivesse utilizando um sistema automatizado de venda de ações que fracionou e executou as operações em diversas ordens pequenas com o objetivo de não impactar o preço da ação fortemente. A única coisa que ele não queria seria forçar muito a queda do preço das 250 mil ações que ele pretendia vender.

Imagine que se esse investidor resolvesse vender as 250 mil ações de uma única vez faria o mercado perceber sua intenção de vender uma grande quantidade de ações. Isso faria outros investidores venderem na frente fazendo os preços despencarem rapidamente.

Processando informações valiosas

Os gestores de grandes fundos nacionais e estrangeiros costumam tomar suas decisões de compra e venda baseados nos fundamentos das empresas. Eles estudam as empresas onde pretendem investir com muita profundidade. Eles possuem equipes preparadas para isso que trabalham o dia inteiro nessa atividade. A ideia é avaliar se as empresas onde irão investir possuem a capacidade de lucrar hoje e sempre. Para esses investidores não importa os resultados passados. Já os pequenos investidores, infelizmente, acreditam que resultados passados garantem os resultados futuros.

Os grandes fundos possuem analistas e softwares complexos que estudam grande quantidade de informações sobre a empresa e o seu mercado buscando prever seus lucros e prejuízos futuros para que possamos investir focados no longo prazo. O pequeno investidor é incapaz de fazer projeções com a mesma qualidade e assertividade e por isso tendem a querer seguir os movimentos de curto prazo no preço das ações.

Observe que mesmo sem qualquer vazamento de informações privilegiadas, os grandes investidores possuem tecnologia e mão de obra qualificada para gerar informações e tomar decisões que o pequeno investidor não pode produzir com tanta eficiência. Infelizmente, não há como concorrer com esses players em termos de informação e a isso dá-se o nome de Assimetria de Informação. Isso quer dizer que não temos acesso ao que esses players grandes olham, especialmente se o seu objetivo for fazer operações de curto prazo.

Leitura ou Análise do Fluxo de Ordens

Atualmente existem softwares acessíveis para qualquer investidor que queira ler e monitorar o fluxo de ordens de compra e venda de ações iniciadas por grandes investidores. A maioria das corretoras oferece acesso ao chamado “book de ofertas” que é uma tela onde podemos ver as ordens de compra de determinada ação listadas em ordem decrescente de acordo com o valor, ou seja, no topo da lista são descritas as ordens de compra de maior valor. Você também pode ver as ordens de venda de determinada ação listadas em ordem crescente de acordo com o valor, ou seja, no topo da lista são descritas as ordens de venda de menor valor. Toda vez que o sistema registra ordens de compra e de venda do mesmo valor, o negócio é executado e as ordens, automaticamente, são removidas das listas de oferta de compra e de venda deste ativo. É assim que as ações são negociadas na bolsa, como um grande leilão eletrônico. Veja a figura:

Observe a figura acima. Ela é o book de ofertas de uma ação negociada na bolsa. De um lado vemos as ordens de compra e do outro as ordens de venda. Temos o nome da instituição onde os investidores estão operando, a quantidade de ações que querem negociar e o preço que aceitam para concluir o negócio.

O problema é que esses sistemas oferecidos pelas corretoras são bem simples. O movimento é frenético e isso torna difícil identificar algum padrão útil a olho nu. Já os softwares utilizados por quem opera usando a estratégia de Análise do Fluxo de Ordens (Tape Reading) analisam esse grande fluxo de informações para apresentar dados mais detalhados e de maior utilidade como o saldo dos maiores compradores e vendedores em determinada fração de tempo; book de ofertas agrupado apontando provável concentração de compradores e vendedores; leitura dos negócios fechados identificando e destacando o tamanho do lote; instituições financeiras que estão fechando negócio; quem é o agressor ou a pessoa que tem a intenção de fechar o negócio no preço de mercado.

O Tape Reading, é a estratégia de analisar esses dados do livro de ofertas. O objetivo dessa leitura é identificar mudanças nos movimentos dos preços provocados pelos grandes investidores como os fundos e grandes instituições que movimentam grandes volumes de negócios. A ideia central seria aproveitar essa mudança se posicionando na mesma direção dos grandes investidores, seguindo o fluxo de movimento dos preços.

Observe que enquanto na análise técnica (gráfica) você tem o objetivo de seguir a manada de investidores, na estratégia de Tape Reading o seu objetivo é seguir o pequeno grupo de grandes investidores, pois são esses grandes investidores que acabam ditando para onde a manda irá.

Conclusão

O objetivo deste artigo foi mostrar que a estratégia do Tape Reading existe e que ela tem grandes diferenças quando comparamos com a estratégia de análise gráfica. Nos dois casos, o objetivo é o de especular, ou seja, aproveitar o fluxo ou a tendência que faz o preço das ações subirem e caírem no curto prazo.

Já falei em outras oportunidades que pessoalmente prefiro os investimentos em ações com foco no longo prazo, mas respeito aqueles que fazem investimentos de curto prazo, desde que entendam que é necessário estudar para fazer isso de forma consciente e profissional.

Não existe espaço para amadorismo no ambiente especulativo da bolsa. O mercado não tem pena de especuladores que contam com a sorte, que não buscam mais conhecimento e experiência antes de assumirem riscos maiores. As operações especulativas exigem muito estudo, técnica, estratégia e equilíbrio emocional.  Não tem nenhuma relação com ganhar dinheiro fácil.

Gosto muito de uma frase que diz mais ou menos assim: “Para um dia ser capaz de ganhar dinheiro dormindo, você terá que passar muitas noites acordado estudando e muitos dias acumulando experiências através das derrotas e vitórias”. Isso significa que para ganhar “dinheiro fácil” é necessário muito trabalho prévio, muito estudo e preparo.

A quantidade de investidores despreparados operando na bolsa, entre as pessoas físicas, é tão grande que aprender o básico e entender como as coisas funcionam já deixa você em condições privilegiadas.

Como educador eu não recomendo investimentos, mas recomendo que você estude os investimentos que existem para que você faça boas escolhas. É através desses estudos que você irá adquirir a liberdade de avaliar qual é o melhor investimento para você, qual é a estratégia que atende sua necessidade dentro do contexto da sua vida. Eu tenho a liberdade de escolher o que é melhor para mim, pois me conheço e conheço os investimentos que existem. Você deve buscar essa mesma liberdade.

Para os leitores do Clube dos Poupadores que querem aprofundar seus conhecimentos nessa estratégia de Tape Reading eu recomendo acompanhar o “Workshop do Programa Tape Reading Automatizado” que acontecerá online entre os dias 22 de maio e 5 de julho. Basta cadastrar o seu email neste endereço aqui para receber aulas gratuitas em vídeo.

Para acessar um curso rápido e introdutório de Tape Reading (gratuito) basta visitar esse endereço aqui e preencher seu e-mail. Na página de confirmação que irá aparecer logo depois será possível encontrar as aulas em vídeo na parte inferior da página (basta rolar a tela para baixo).

Se você é um investidor iniciante e ainda não domina a renda fixa, não é o momento de investir o seu tempo estudando renda variável. Aproveite para estudar as centenas de artigos gratuitos que já temos no Clube dos Poupadores sobre renda fixa ou conheça os meus livros sobre o tema.

Dia da sorte...

Muita gente acredita que ter sucesso na vida financeira depende de um tipo sorte. Descobri uma forma de aumentar essa sorte: quanto mais você estudar sobre ganhar, poupar e investir dinheiro, mais sorte terá na sua vida financeira. Escrevi uma série de livros que vão ajudar você a aumentar esse tipo de "sorte" rapidamente:Clique aqui para conhecer os livros.
Esse artigo foi útil?
Deixe-nos saber, se você gostou deste artigo. Só assim podemos continuar melhorando.
Sim
Não

Sobre o Autor:

Leandro Ávila criou o Clube dos Poupadores por acreditar que o conhecimento é uma riqueza que se multiplica quando dividida. Compartilhando o que sabemos, criamos um mundo melhor. Conheça os livros que ele escreveu sobre educação financeira, investimentos financeiros e imobiliários.

60
Deixe um comentário.

avatar
600
27 Comment threads
33 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
27 Comment authors
Alexandre ViannaVALTER DA SILVA VIVASJoanatanRobertoMauro Recent comment authors
newest oldest
Rodrigo Reva
Visitante
Rodrigo Reva

Leandro, nunca cogitou a hipótese de um podcast? ouvir clube dos poupadores no carro durante o trânsito seria muito mais produtivo do que a CBN.

Michel
Visitante
Michel

Leandro,
Obrigado por mais um excelente artigo.
Mesmo eu ainda sendo um iniciante em RF, aprender nunca é demais.
Abs

Cícero
Visitante
Cícero

Quando as ações políticas da PETR4 estiverem em uns 10,00 antes do Circuit Breaker vou entrar como Trader agressivo arrojado e enriquecer em alguns dias como os bandidos da jbs!

Michael Stuart
Visitante
Michael Stuart

“Observe que mesmo sem qualquer vazamento de informações privilegiadas, os grandes investidores possuem tecnologia e mão de obra qualificada para gerar informações e tomar decisões que o pequeno investidor não pode produzir com tanta eficiência…. ”

Pois e, Leandro!

Mesmo assim, fica provado que fundos profissionais ativos na renda variavel raramente superam os benchmarks respetivos. E a presença crescente de HFT (High Frequency Traders) atrapalha ate eles, e muito. Para pessoas fisicas, quase impossivel. Muito melhor seria fundos passivos baratinhos ou uma carteira de ativos individuais para o longo prazo com custo de custodia e corretagem minimos.

Marcos Arcanjo
Visitante
Marcos Arcanjo

Obrigado por mais esse artigo.
Nos mostra uma nova ferramenta para analise que eu não conhecia.

Abs,

Tiago Xavier
Visitante
Tiago Xavier

Muito bom Leandro.

Arquivo de grande valor.

Investi em renda variável “ações” não é nada simples, pois, tem que
estar preparado para tomar decisões arriscadas.
Se não tiver o mínimo de conhecimento, melhor é não investir.

Primeiramente tem que buscar conhecer as opções em renda fixa, depois,
dar saltos maiores.

Ganhar dinheiro fácil para quem preza pela honestidade não existe.

A única maneira de se ganhar dinheiro é trabalhando, estudando e
poupando uma parte do salário todo mês.

Parabéns pelo artigo meu amigo.
Sucesso sempre.

Oyrag
Visitante
Oyrag

Ola Leandro boa tarde.
Muito obrigado por esse excelente artigo. Eu confesso que desconhecia essa estratégia.
Eu penso que a forma mais conservadora (obviamente para quem tem o conhecimento necessário) de se investir na bolsa de valores seria mesmo se utilizando de estratégias de longo prazo.
Um grande abraço.

Tiago Xavier
Visitante
Tiago Xavier

Verdade Leandro, para atingir o sucesso
realmente tem que trabalhar muito. Nada é por acaso.

Sucesso sempre.

renan
Visitante
renan

Leandro, parabéns por mais um artigo agregador de conhecimento.

Karen Sayuri
Visitante
Karen Sayuri

Boa tarde, Leandro!

Gostei muito do artigo, achei bastante interessante e vou participar do workshop.
Acompanho também a sua página do Transcendência Financeira, que é excelente.

Parabéns e obrigada!

joão silva
Visitante
joão silva

Bolsa é igual par ou ímpar…

Stéfanni Brasil
Visitante

Admiro demais seu trabalho, nunca me arrependo de clicar em qualquer link seu. Abraços!

Carlos Oliveira
Visitante
Carlos Oliveira

Boa noite Leandro! Parabéns por mais um artigo. Comecei com renda fixa e hoje já opero na bolsa, comprando algumas ações. Sou um investidor iniciante, ainda muito inexperiente, mas o que me encorajou a tomar iniciativas e ver que é possível começar aos poucos e ir se desenvolvendo foram, principalmente seus artigos. Esse artigo é um exemplo, pois somente os comentários entre você e nós leitores, por si só, já é uma aula. Me sinto cada vez mais animado em me educar e aprender a investir com inteligência. Abraço!

Marcos Alves
Visitante
Marcos Alves

Boa noite, Leandro. Amigo descobri seu blog há uns três meses e resolvi entrar para o mundo do investimento, pena que já estou com 55, anos mas, tenho a esperança de acumular uns trocados, graças a sua ajuda. Não perco uma dica sua e que Deus te abençoe sempre, com sua sabedoria e vontade de passar conhecimento, Um grande abraço.

Alysson Cesario
Visitante
Alysson Cesario

Leandro, sou seu fã. Já lhe escrevi uma vez e repito agora, seu trabalho é muito nobre. Você me incentiva a cada vez mais aprender e aprender. Espero um dia poder dominar esta técnica. Parabéns e um forte abraço.

Michael Stuart
Visitante
Michael Stuart

– “O resultado do Buffett está focado nos dividendos. Para ele pouco importa o valor das ações.”

Hello Leandro, you must be tired or simply misspoke, which happens to the best of us. I know that you know very well that:

– O Buffett e o Value Investor Quintessencial.

– Ele foi aluno do Benjamin Graham na Columbia University e mais tarde trabalhou em parceria com ele.

– Nada mais importante para ele que comprar bem abaixo do preço justo….

Cheers, and keep up the good work.

Demilso Souza
Visitante
Demilso Souza

Leandro excelente artigo, comecei a investir em ações esse ano através dos cursos arvore de riqueza do André fogaça e uso a ferramente do guia invest pro, o legal que mesmo sabendo que o mercado esta em um momento de incertezas como comprei as ações fundamentada na value invest sei que mesmo que eu perca dinheiro no curto prazo com o tempo essas ações se empresa continuar apresentando bons resultados elas vão subir, e isso gera um tranquilidade em quanto os outros estão desesperados vendendo e zerando sua posições e na verdade quando encontro os preços de ótimas ações caindo é nesse momento que vou comprando pequenos lotes, porque nunca sabemos o fundo do poço do preço desta ação. Hoje mesmo as ações da #### envolvidas em corrupção caiu 30 por cento através da análise de value invest ela tem uma margem de segurança de 90 por cento mesmo com os escândalos, se tivesse liquedez teria comprado mais ações dela. Em fim parabés pela sua iniciativa, saiba que com certeza que hoje eu sou investidor tanto de tesouro direto, LCI, CDI, ações e no futuro em mercado de câmbio, e essa consciência foi você que ma ajudou a ter sempre incentivando nos seus artigos a nós tomarmos as rédias (direção) da nossa vida financeira e estudarmos, deixarmos a preguiça de lado. Foi que nem você comentou no artigo anterior com seu amigo que o banco era seu inquilino, quando digo aos meus amigos que sou sócio de empresas de energia de gás, que quando os preços das mercadoria essências sobe ao invés de reclamar como antes agora eu vejo o lado bom porque a empresa que sou socio estará com maiores chences de lucras. A detalhe antes da conclusão você escreve manda,, abraços Leandro sou seu fã

Murilo Witt
Visitante
Murilo Witt

Leandro, só tenho a agradecer a todo conhecimento que estou podendo adquirir através de seus artigos aqui e no Transcendência, além de recomendações de cursos e aulas, que estão ampliando cada vez mais meu horizonte nessa área. Atualmente estou estudante Tape Reading, e Value Investing, futuramente planejo trabalhar com day trade, e manter meus investimentos em ações, pois admiro mais os investidores, como nosso tão querido Warren Buffett que vem me inspirando desde o começo da minha busca por conhecimento.
Faço o possível para divulgar para meus conhecidos e amigos sobre seu conteúdo, pois ele realmente agrega muito para todos nós que buscamos uma vida mais equilibrada, e rica no futuro.

Hermano Rausch
Visitante
Hermano Rausch

Leandro, os seus dois sites fazem eu ter orgulho de dizer que a internet tem um excelente e vasto conteúdo para quem quer se aperfeiçoar e se desenvolver.

Comecei a estudar ações no primeiro semestre do ano passado, conhecendo esse mundo com o André Fogaça. Hoje, acompanho algumas seletas fontes de informação que contibuem com a minha formação como investidor e você, sem dúvida alguma, vem contribuindo muito para isso.

Muito obrigado por prestar o trabalho que você presta e por nos icentivar a sermos melhores sempre, seja nas finanças, ou como pessoas.

Um Grande Abraço e tenha uma ótima semana.

José
Visitante
José

Leandro, como você vê a questão da incorporação da XP pelo Itaú? Parece que os pequenos investidores serão os mais prejudicados, pois voltarão a cair nas garras do grandes bancos.

Claudinei Fernandes
Visitante
Claudinei Fernandes

Apesar de ainda não investir em ações é impossível deixar de ler um post tão interessante como este. Temos que dar valor, cara. Parabéns, Leandro.

Jonas
Visitante
Jonas

Olá Leandro, minha dúvida é extremamente iniciante:
Vamos supor que, na pior hipótese, após comprar determinada ação com o objetivo de longo prazo, esta venha a cair 90% do seu valor, chegando a centavos ou ainda a muito próximo de zero. Se a empresa gerar novos prejuízos (na pior das hipóteses), chegará a um valor negativo onde teremos que arcar com o prejuízo? a empresa simplesmente quebra?

Seus ensinamentos faz toda a diferença!

Mauro
Visitante
Mauro

Oi Leandro,
Infelizmente, no site da CVM (http://sistemas.cvm.gov.br/) muitos fundos de investimento não revelam quais ações estão investindo. No item “Composição da carteira”, aparece a seguinte mensagem: “Por solicitação do administrador do fundo, a identificação dos seguintes ativos foi omitida ao público em geral.” Assim, infelizmente, não temos acesso a quais ações os maiores gestores do país estão investindo.

Roberto
Visitante
Roberto

Boa tarde Sr. Leandro.
O Sinhor que acha de investimentos em bitcoin?
Atenciosamente.
Roberto

Joanatan
Visitante
Joanatan

Olá professor.
Li no site da exame.com que se uma pessoa quiser adquirir uma renda vitalícia de 2 mil reais, começando a trabalhar aos 18 anos e parando aos 65,essa pessoa terá que investir 500,00 por mês.
Fiz a mesma simulação na calculadora do cidadão. Esses mesmos 48 anos de investimento de 500 reais a uma taxa de 1%ao mês,totaliza mais de 8 milhões de reais.
Professor parece que eles publicam essas reportagens agindo de má fé.

VALTER DA SILVA VIVAS
Visitante
VALTER DA SILVA VIVAS

Boa noite Leandro. Entendi a diferença conceitual entre o Tape Reading e a Análise Técnica mas, fiquei com dúvida no seguinte: Se a análise técnica busca entender o movimento de preços e volumes para determinar uma tendência; se a formação do preço é dada em maior porção pelos grandes players, pois comandam o volume expressivo negociado, me pareceu tratar-se também de uma análise técnica ou uma espécie de. Não consegui, na prática, entender como a análise técnica segue a manada, se essa é pouco expressiva em relação aos grandes players. Grande abraço.

Alexandre Vianna
Visitante
Alexandre Vianna

Olá Leandro!
Saiu o novo ranking dos blogs de finanças…
webinformado.com.br/blogs-de-financas-e-investimentos/
Os números não mentem, parabéns pelo melhor conteúdo do Brasil!
Abraço e sucesso!

Compartilhe com um amigo