Calcular Taxa de Juro Real

Com esta ferramenta online você poderá calcular a taxa de juro real dos seus investimentos ou dívidas. Informe a taxa nominal no campo “Juros Nominais”. Preencha o outro campo com a inflação no mesmo período e a ferramenta calculará os juros reais. Se você precisa de um resultado com várias casas decimais, visite esse outro simulador de rentabilidade real.

Como você pode verificar é muito importante aprender a investir. Veja o que significa cada campo:

Juro Nominal = A taxa de juros nominais é aquela divulgada pelas instituições financeiras quando você faz um investimento ou assume uma dívida sem considerar os efeitos da inflação.

Juro Real = A taxa de juros reais são os juros nominais já com a inflação descontada.

Exemplo: O banco divulgou que a rentabilidade de um determinado investimento foi de 10% de juros no ano. Este são os juros nominais. A inflação no mesmo período foi de 6%. Com estas duas informações (juro nominal e inflação) podemos calcular os juros reais, que são os juros recebidos acima da inflação.

A fórmula para fazer este cálculo é:

Juros Reais = (1 + Juros Nominais) / (1 + Inflação) – 1

Exemplo de cálculo:

Juros Nominais: 10% = 0,10
Inflação: 6% = 0,06

Primeiro dividimos 10% e 6% por 100 para encontrar 0,10 e 0,06 e depois substituir na fórmula:

Juros Reais = (1 + 0,10) / (1 + 0,06) – 1
Juros Reais = (1,10 / 1,06) – 1
Juros Reais = 1,03773 – 1
Juros Reais = 0,03773

Agora multiplicamos 0,03773 por 100 para encontrar a taxa:

Juros Reais = 3,773%

A Importância dos Juros Reais

Todo investidor busca investimentos que ofereçam ganhos reais, ou seja, ganhos acima da inflação. Por isto é importante aprender a descobrir a rentabilidade real ou a taxa de juros reais dos seus investimentos.

De nada adianta ter uma aplicação que rendeu 6% enquanto os preços no mesmo período subiram 8%. Neste exemplo, você teria uma rentabilidade real negativa de -1,85%. É por este motivo que a Caderneta de Poupança é um péssimo investimento quando a inflação está muito elevada. O dinheiro investido perde poder de compra se a rentabilidade real for negativa.

No mundo existe a percepção de que uma rentabilidade de 6% acima da inflação é uma ótima taxa para investimentos de baixo risco (renda fixa). Muitos fundos de pensão internacionais têm como objetivo encontrar investimentos de baixo risco que ofereçam taxas de juros de 6% acima da inflação, o que não é uma tarefa fácil.

Se o Brasil tivesse uma inflação próxima da zero a Caderneta de Poupança teria uma ótima rentabilidade, já que ela rende 0,5% ao mês que equivale a uma taxa de 6,17% ao ano + TR (Taxa Referencial). Para entender visite aqui. Infelizmente a inflação elevada acaba retirando toda a vantagem da Caderneta de Poupança.

Por isto é muito importante que você aprenda mais sobre outras modalidades de investimento que possam oferecer taxa de juros reais (acima da inflação). Conheça alguns cursos e livros que recomendamos.

Compartilhe com um amigo