Este é o gráfico atualizado com o índice da taxa de câmbio real calculado pelo Banco Central (Série 11753) com o destaque para diversos eventos históricos que produziram impacto no mercado. Veja como funciona este índice no texto logo abaixo do gráfico:

Esse índice funciona assim: o Banco Central adotou o número 100 em 1994 (quando o índice foi criado) e começou a corrigir esse número pelas variações do câmbio. Os valores para os anos anteriores ou posteriores foram corrigidos pelo câmbio considerando a inflação brasileira (IPCA) e a inflação dos EUA que atinge o dólar (CPI ou Consumer Price Index).

Exemplo: vamos imaginar que o índice atingiu 120. Isso significa que se você tivesse investido US$ 100 em 1994, mesmo com toda a valorização do dólar entre 1994 e a atual data (No início do Plano Real, US$ 1,00 chegou a custar R$ 0,95) o poder de compra desse dólar teria aumentado em US$ 20 em mais de 2 décadas em termos reais (acima da inflação). Em outras palavras, o que US$ 100 podia comprar no Brasil em 1994 só poderia comprar o equivalente a US$ 120,0 nos dias de hoje se o índice fosse igual a 120 nesse momento.

O gráfico acima é atualizado mensalmente. No mês atual você provavelmente verá o índice de um ou dois meses atrás, já que o Banco Central demora para calcular o índice e o próprio IBGE demora para divulgar a inflação (IPCA) medida no mês anterior.